Meu agradecimento aos professores

Dia do professor

De todas as profissões, ela é a fundamental. De todos os ofícios, ela é a estruturante. Tudo que existe de bom nesse mundo tem participação direta dos professores. A eles, devemos tudo! Sem eles, não seríamos, absolutamente, nada. A partir deles, podemos mudar o mundo. Sem valorizá-los, criamos um vazio e um horizonte pobre de esperança. Mas, eles, mesmo sem a devida valorização, não desistem. Eles continuam firmes e fortes ensinando-nos a sonhar. Como os nossos professores brasileiros são teimosos, pois, apesar da falta de apoio e dos seus salários vergonhosos, eles se mantêm de pé. Embora as instâncias governamentais moralmente os agridam, eles mantêm os olhos vividos de desejo por um futuro diferente. Talvez, isso, em parte, justifique a inesgotável energia deles. Pouco importa se estão “nadando contra a correnteza”, eles não param, eles não cedem, eles, simplesmente, continuam. Hoje, no dia deles, cabe-nos ofertar um agradecimento sincero e carinhoso. Por causa deles, somos o que somos. Em virtude deles, tivemos a possibilidade de existir e crescer. Podemos até não lembrar nem perceber, mas a nossa felicidade tem o dedo dos nossos professores. Sinto isso em mim. Hoje, enquanto professor, eu gostaria de poder dar um beijo em todos os meus professores que me ofertaram isso. Como dito pelo mestre Rubem Alves, “quando a gente ensina, a gente continua a viver na pessoa que foi ensinada”.

Meu beijo afetuoso em todos os professores

Régis Eric Maia Barros