Insônia

insonia

Buscando o sono;
Que não vem;
O que me convém;
Escrever para o dono;
Dos meus sonhos;
Pedindo um abono;
Das horas em claro;
Clareando o dia;
Repousar sem reparo;
Sem agonia;
Produzindo alegria;
Por que não?!
Poesia;
Criando uma alegoria;
O relógio no pulso;
Ponteiros em auditoria;
Controlando o meu impulso;
De poetar mais;
É preciso dormir;
O dia vai partir;
Tentarei;
Outra vez;
Boa noite.

Régis Eric Maia Barros